terça-feira, 18 de agosto de 2009

Vinícius



Aí já falei quanto adoro Vinícius. Já falei que choro. Que tenho sei-lá-vai-entender-um-dia-quem-sabe-que-me-dá-um-negócio-tipo-nó-no-peito-choro-ou-não-consigo-entender.

Do Livro de Letras da Companhia das Letras (a minha edição é de 1999). Diretamente da página 237 (De "Vinícius consigo mesmo"): Tomara

"Tomara
Que você volte depressa
Que você não se despeça
Nunca mais do meu carinho
E chore, se arrependa
E pense muito
Que é melhor se sofrer junto
Que viver feliz sozinho

Tomara
Que a tristeza te convença
Que a saudade não compensa
E que a ausência não dá paz

E o verdadeiro amor de quem se
ama
Tece a mesma antiga trama
Que não se desfaz
E a coisa mais divina
Que há no mundo
É viver cada segundo
Como nunca mais"

Ai gente.

Obs - adorei as mensagens do post anterior. Adorei as colocações de "alhures". Preciso ter criatividade só pra colocar "alhures" numa frase. Aliás tenho criatividade. Acho que só falta verbalizar.

6 comentários:

Veneranda Pedroza disse...

Poema lindo...
Música idem... (já ouviu?)
Bjs

Anônimo disse...

Tomara
que você consiga
segue a dica
aproveita
se delicia

Tomara
que dê tudo certo
vou torcer
até o próximo inverno

Tomara
que isso não se repita
ou então ou pedir
pra titia Andréa
dar um tiro na minha cabeça

E tenho dito!


BRUNO SOARES DE OLIVEIRA

Veneranda Pedroza disse...

Voltei... =)
Música no link: http://www.4shared.com/file/115283809/45ce3752/3113_Tomara_-_Vinicius_De_Moraes.html?s=1

Outro Bj

Mari Cuencas disse...

Em Vinícius, temos um dos maiores letristas que a História da MPB já viu. Olha o contraste:

http://www.youtube.com/watch?v=9YJaaVAQ5lE

Bom dia, tristeza
Que tarde, tristeza
Você veio hoje me ver
Já estava ficando
Até meio triste
De estar tanto tempo
Longe de você

Se chegue, tristeza
Se sente comigo
Aqui, nesta mesa de bar
Beba do meu copo
Me dê o seu ombro
Que é para eu chorar
Chorar de tristeza
Tristeza de amar

Elaine Cuencas disse...

Não vou comentar...se não...

SuSiRo disse...

Vinícius é Vinícius em todo tempo e lugar... Reflexo dos sentimentos que todos sentem e não conseguem expor.
Bjs