sexta-feira, 22 de maio de 2009

Felicidade é


Entrar na livraria e ver que um dos seus autores favoritos lançou um novo livro, você não sabia (ignorância) e ele está logo ali.

Quem viu a situação ontem foi minha amiga Mari C. E ela pode dizer que praticamente protagonizei uma cena de amor explícito. Para não falar outra coisa.

E hoje ainda chegaram os outros 2 da amazon. Fiquei tão feliz que deve ser por isso que não estou me sentindo bem.

5 comentários:

Elaine disse...

Adoro tudo o que você escreve...mas hoje vou contestar..Felicidade é felicidade...nada desta história boba e literária de dizer que Felicidade demais ou surpreendente deixa a gente "não se sentindo bem"
Como diria a minha good e old mãe...sai dessa!!!!

Menina, amanhã de manhã
quando a gente acordar
quero te dizer que a felicidade
vai desabar sobre os homens, vai
ddesabar sobre os homens, vai desabar sobre os homens.
.......................
Menina a felicidade
é cheia de graça
é cheia de lata
é cheia de praça
é cheia de traça.

Menina a felicidade
é cheia de pano,
é cheia de pena,
é cheia de sino,
é cheia de sono.

.............
(Tom Zé/Perna)
bjs felizes

Elaine disse...

Ah!
Será que foi escrito para nós, professoras!!!!!

Elaine disse...

O livro...

Andréa disse...

Elaine,
Era uma brincadeirinha porque ontem tive a sua enxaqueca de quarta.
O livro tá lá todo bonitinho... mas pelo que vi no índice, não tem nada da área de educação... vamos ver o que Alain de Botton nos diz e depois te conto.
bjs

Mari Cuencas disse...

Querida,

eu tenho que confessar que achei engraçado protagonizar essa cena, pois é exatamente assim que eu fico quando esses tesouros desconhecidos caem na minha mão!

Beijos mil,

Mari C.