segunda-feira, 25 de agosto de 2008

Alain de Botton


Alain de Botton é um escritor nascido em 1969 e todos os seus livros são um sucesso. Toda a obra já foi traduzida para o português e eu, particularmente gosto de "The art of travel" (A arte de viajar), por razões óbvias. E aí vai um pedacinho:

"If the world seems unfair or beyond our understanding, sublime places suggest that it is not surprising that things should be thus..... It is the vast spaces of nature that perhaps provide us with the finest, the most respectful reminder of all that exceeds us. If we spend time in them, they may help us to accept more graciously the great, unfathomable events that molest our lives and will inevitably return us to dust."

A minha explicação é mais ou menos assim:

"se o mundo parece injusto ou além da nossa compreensão, lugares sublimes sugerem que isto não é surpresa e que as coisas devam ser assim.... são os amplos espaços da natureza que talvez nos lembrem que há algo muito maior e melhor que está além de nós. Se passarmos um tempo nesse espaço, talvez isso nos ajude a aceitar mais graciosamente os eventos insondáveis, incomensuráveis que molestam nossas vidas e que um dia, inevitavelmente, vão nos fazer retornar ao pó".

A foto é do site oficial do autor - www.alaindebotton.com (que aliás, é muito interessante)

2 comentários:

Elaine disse...

Ai! Que coisa! Na proxima edição da minha vida, vou nascer Alain de Bottom! Com este nome, filosofando, viajando e escrevendo. Quero tudo!!!!!
Só ler este livro, já dá uma felicidade!!!!
[]s, Elaine

Elaine disse...

Aliás,...Botton!